CCPI Reúne seus colaboradores

 por Maristela Truppel

Nesta quarta-feira, dia 08 de junho o CCPI reuniu voluntários, coordenadore de Projetos e colaboradores para conversar sobre o andamento das atividades, a importância de cada um nas ações do CCPI e a diferença que cada líder pode fazer dentro da comunidade.

  

Cerca de cincoenta pessoas prestigiaram este momento que contou com a presença do Presidente do CCPI Adriano Mattos, da Gerente Maristela Truppel e da Assistente Administrativo Elenita Clasen.

O Presidente do CCPI pontuou algumas das ações realizadas nos dois anos da atual gestão, enquanto Elenita falou dos eventos que aconterão ao longo do ano. Maristela realizou duas dinâmicas motivacionais e pediu a que expressassem as opiniões.

Por fim o CCPI lançou um desafio para os líderes presentes, que trata-se do Projeto de Integração Institucional e tinham um cardápio de sete opções para escolherem.

Após todos foram convidados a degustarem um delicioso café em homenagem aos dois anos da atual Gestão.

O CCPI agradece a todos que estiveram presentes, tornando este momento um aprendizado, troca e convivência.

Click na foto e veja um pouco mais do evento:

Pedágios

Um detalhe interessante que não é divulgado sobre os pedágios.

Debut interessante o do Gean Loureiro – Pedágios

 O deputado federal Gean Loureiro (PMDB-SC) provocou uma reviravolta, hoje (8) em reunião da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara. No momento em que ia ser aprovado um requerimento para discutir pareceres de privatização de novas rodovias federais Gean apresentou um estudo que ele fez sobre o programa federal de concessão de estradas. Chamou-lhe a atenção algumas cláusulas, como a de que as concessionárias tem que abrir as cancelas das praças de pedágio toda vez que a fila ultrapassar 300 metros e que a espera dos motoristas ultrapassar 10 minutos. Surpresos, porque desconheciam tais detalhes, os demais deputados suspenderam a análise do requerimento para subscrever, todo s juntos, um projeto de lei para exigir das concessionárias o cumprimento das cláusulas, e propor reduzir tanto o tamanho da fila e o tempo de espera para pagar o pedágio. No projeto vai constar também a criação de um indicador de qualidade, que será considerado anualmente quando da eventual majoração das tarifas.
Fonte: MOACIR PEREIRA (Clic RBS)