Prefeitura promove primeira reunião técnica para Ação Social no Frei Damião

Encontro serviu para definir serviços gratuitos que serão ofertados à comunidade

Para atender as demandas emergenciais, apresentadas pelos moradores do Frei Damião, a Prefeitura de Palhoça vai promover uma ação social que levará serviços socioassistenciais à comunidade. Na tarde desta quinta-feira, 20, ocorreu a primeira reunião técnica entre os colaboradores e a comissão organizadora. A ação Frei está prevista para ocorrer no dia 17 de outubro, das 9h às 15h30.

“A Prefeitura está empenhada em atender as demandas da comunidade. Nós já havíamos apresentado o projeto de reurbanização no início desta semana, agora, nos reunimos novamente para organizar os diversos serviços gratuitos que levaremos à região. Nosso objetivo é promover o bem estar coletivo e individual das pessoa que residem nesta localidade”, destacou o prefeito Camilo Martins, que aproveitou a oportunidade para pedir o envolvimento de todos.

Cerca de sete mil pessoas residem na comunidade Frei Damião, a maior parte está em situação de vulnerabilidade socioeconômica. “Este é o primeiro passo para o acesso destas pessoas aos serviços públicos que ofertamos”, afirmou o secretário municipal de Assistência Social, Adriano Mattos.

Para fortalecer a junção de forças, a Prefeitura montou uma comissão organizadora composta por representantes da Secretaria Municipal de Assistência Social, Diretoria Municipal de Eventos, Diretoria de Gabinete, Coordenadoria da Pastoral da Criança, Diretoria da Faculdade Municipal de Palhoça, CDL, Fórum de Economia Solidária e Fundação Municipal de Esporte e Cultura.

O presidente da Associação de Moradores do Frei Damião, Jairo Guesser, também participou da reunião e disse que este é o começo de uma grande mudança para a região. “Esta é a primeira vez que ocorre toda esta movimentação conjunta focada em ajudar a nossa comunidade. Acredito que daqui pra frente o melhor está por vir para Frei Damião. Nossa principal demanda é infraestrutura e hoje pude ver o quanto a Prefeitura está trabalhando para sanar esta pendência antiga junto aos moradores.”

Também participaram do encontro, representantes das secretarias municipais de Saúde; de Desenvolvimento Econômico; da Segurança Pública e Defesa do Cidadão; de Educação; de Infraestrutura; de Habitação; das polícias Militar e Civil; da Procuradoria Geral; da Diretoria de Eventos; da Unisul; da UDESC; do PROCON; da Caixa Econômica Federal; do Instituto Embelleze; do SENAI; do Registro Civil de Palhoça; e do SESI.

Reurbanização

O Projeto de Reurbanização da comunidade do Frei Damião prevê a remodelação completa na comunidade. A Prefeitura estima que serão necessários mais de R$100 milhões para implantar todo o projeto. O projeto será apresentado aos moradores no dia 17 de outubro e trata-se de um conjunto de obras pontuais, um projeto extenso que vai ser realizado com recursos do próprio município, do Governo do Estado e da União.

As obras compreendem: recuo para pontos de ônibus; espaços públicos para creche e área esportiva; parques verdes com praças espalhadas por toda comunidade; centro de triagem e reciclagem de lixo; drenagem, implementação de rede de esgoto e pavimentação.

Na área habitacional, o projeto prevê a construção de pelo menos 700 unidades habitacionais, que serão reservadas, prioritariamente, às famílias cadastradas, que já residem no loteamento.

Jonathas Cesário
Comunicação / Prefeitura de Palhoça
3279-1775

Foto: Nagib de Pieri – PMP
Todas as matérias e fotos da comunicação da Prefeitura Municipal de Palhoça são de domínio público, desde que conservados os créditos.

Prefeitura repassa mais de R$ 190 mil para entidades socioassistenciais

Assinatura de convênio ocorreu na última quarta-feira.

Foto: Nagib de Pieri – PMP

Para fortalecer ainda mais o trabalho desenvolvido por entidades socioassistenciais em Palhoça, a Prefeitura assinou convênio para repasse de recursos para duas instituições do município. A formalização dos repasses ocorreu na tarde da última quarta-feira, 12, no gabinete do prefeito Camilo Martins. “Estes centros são parceiros da administração pública no atendimento a nossa população em situação de vulnerabilidade social”, destacou o prefeito.

A Ação Social Paroquial, mantenedora da casa de repouso Santa Maria dos Anjos, vai receber mais de R$ 130 mil, por meio do Fundo Municipal de Assistência Social (FMAS). Segundo o presidente da Instituição, Padre André Gonzaga, esta é a primeira vez que Palhoça firma um convênio com a casa de repouso. “Agradecemos os esforços da Prefeitura em contribuir para a manutenção de nossos serviços. Os valores chegam em boa hora e ajudam a amenizar as despesas mensais que temos com o atendimento aos idosos”, conta.

Outra beneficiada é a Orionópolis Catarinense que vai receber cerca de R$ 60 mil do FMAS. Os valores também serão investidos no custeio de despesas e atividades desenvolvidas pela entidade.

Conforme o secretário municipal de Assistência Social, Adriano Mattos, ambos os valores serão divididos em duas parcelas. “As entidades socioassistenciais já haviam apresentado um plano de aplicação à Administração Municipal. Este foi o primeiro passo para firmarmos estes convênios tão importantes para o bem estar da nossa população em melhor idade”, explica.

Link: http://www.midialive.com.br/noticia/prefeitura-repassa-mais-de-r$-190-mil-para-entidades-socioassistenciais/2615

Fonte: Jornal Live